Haggai Brasil

 

Como funciona?

O Conselho Administrativo do Haggai Brasil é composto por um grupo de homens e mulheres cristãos que fazem a gestão do ministério em nosso país.

O Conselho Consultivo é um grupo de homens e mulheres cristãos que sustentam mensalmente o ministério e auxiliam o Conselho de Administração em algumas funções.

Base Bíblica

Funções dos Conselheiros

Depoimentos

Ednilton Gomes de Soárez

Ednilton Gomes de Soárez

Empresário na área de Educação
Fortaleza, CE

"O Haggai tem uma visão voltada para a nossa realidade e tem provado ser muito efetiva para o crescimento do Reino de Deus nos países em desenvolvimento. Sou conselheiro por achar-me devedor ao Instituto pela influência que teve no meu crescimento como cristão e como líder. O curso que fiz em Cingapura em 1986 me deu uma nova visão do que é ser cristão e da responsabilidade que temos com a expansão do Evangelho em nosso país."

Alberto José Bellan

Alberto José Bellan

Empresário na área de Comunicação
Santa Bárbara D'Oeste, SP

"É um privilégio participar de um projeto que visa alcançar pessoas para Jesus. Acredito que o evangelismo em nosso país pode ser aprimorado através dos treinamentos oferecidos pelo Instituto Haggai aos líderes brasileiros, e por esta razão tornei-me um conselheiro."

Zezina Soares Bellan

Zezina Soares Bellan

Empresária e Pedagoga
Santa Bárbara D'Oeste, SP

"Creio ser a maneira mais rápida e eficaz de levar o evangelho a uma nação: treinando líderes para evangelizarem seu próprio povo e motivá-los para treinar outros a fazer o mesmo. Tenho visto resultados deste trabalho. Sou conselheira do Haggai para contribuir com o evangelismo no meu país através do treinamento de líderes, para fazer a diferença em minha geração, porque quero abençoar outras pessoas."

Jorge Carlos Ziegler

Jorge Carlos Ziegler

Empresário na área de Combustível
Porto Alegre, RS

"Preparar e motivar líderes consagrados a treinar outros na missão de propagar o evangelho de Jesus em suas proprias línguas e culturas é uma estratégia que eu considero criativa e inteligente. Por isso acredito na visão do Haggai. Tornei-me conselheiro do Haggai Brasil por acreditar na visão e por reconhecer no homem que o dirige muita consagração e capacidade de fazê-lo."